RSS
O Conexão UMADEN agora se chama Conexão Jovem!

Estamos em um novo endereço, a partir de agora se você quer saber informações sobre o Departamento de Jovens e Adolescentes acesse o Blog do DEJAD.

SECOPE - Devocional Compromisso


Por Ev. Klauber Maia

A vida da maioria das pessoas é repleta de atividades: estudar, trabalhar, namorar, executar tarefas domésticas, tocar um instrumento, cantar em um conjunto, viajar, entre outras. Para eleger em quais atividades vamos investir tempo, esforço e recursos precisamos definir prioridades, escolhendo quais tarefas vamos realizar com mais afinco e regularidade. O ato de manter o foco nas escolhas que fazemos é chamado de compromisso.

Dedicamos tempo, atenção e carinho à pessoa que amamos porque sustentamos a nossa escolha, por causa do compromisso assumido. O mesmo se dá quando trabalhamos em uma empresa ou marcamos um encontro; o que nos mantém firme naquilo que elegemos é o nosso compromisso.

É assim também com relação à nossa vida espiritual. Quando resolvemos amar a Deus precisamos elegê-lo como prioridade em nossa vida e manter firme a nossa escolha. Jesus afirmou: “Se me amardes, guardareis os meus mandamentos” (Jo 14.15). Ele estava nos ensinando que não podemos amar apenas de palavras, mas o sentimento deveria ser acompanhado pelas ações e escolhas. Os que dizem que amam a Deus devem manter o compromisso com Ele, buscando fazer aquilo que agrada a Deus.

O compromisso com Deus pode ser identificado através da dedicação à sua obra. Cantar, tocar, ensinar, pregar e realizar outras tarefas na igreja demonstra o nosso compromisso em servir a Deus. Isto, porém, não é suficiente. Precisamos manter o nosso compromisso também com a leitura da Palavra de Deus, com a oração e com a vida de obediência ao Senhor.

Se não mantemos o nosso compromisso com o esposo ou a namorada, podemos provocar o rompimento no relacionamento. Se não mantemos o compromisso com o empregou ou estágio podemos provocar a quebra do vínculo empregatício. Se não mantemos o nosso compromisso com Deus podemos perder, não somente a benção do relacionamento divino, mas, também, a salvação e a vida eterna.

Façamos um exercício de reflexão:

Como anda o nosso compromisso com as atividades que realizamos na igreja?

E como está o nosso compromisso com Deus?

Estamos buscando agradar a Deus, em tudo, para fortalecer o nosso compromisso de amor com Ele?

Priorizamos mais as atividades na internet ou televisão do que as que nos aproximam de Deus?

Obedecemos a Deus porque o amamos e queremos agradá-lo?

0 comentários:

Postar um comentário